Seguidores

segunda-feira, 13 de novembro de 2017

Noite a dentro

Era madrugada
Vento cortando a estrada
Cortando sonhos e corações.
Cidades estranhas que nada diziam
Pessoas sem rostos, vidas comum.
Eu só queria que minha motocicleta virasse um cometa
e Cruzasse logo o ermo escuro e desolado de dez mil mortes.
A face do filho amado, o rosto do anjo
Iluminando a noite escuro de meu pensamento.
Meu piazinho, meu neném, meu Malco.
É loucura não estar perto de você meu pequeno
E os vermes atacam meu coração
Quando estou longe de você.
Lembro que não estou fodido.
Que tenho um lar, uma família, uma casa
Construida com materiais nobres e forjados
Assim como minha Harley Davidson.
Logo chego meu piazinho, me espere
Papai esta levando um pacote
Cheio de dinheiro para você.

quinta-feira, 22 de junho de 2017

Dead Cowboys Irati realiza Campanha do Agasalho

Por Bárbara Franco - Rede Sul de Notícias
Irati - Movidos pela solidariedade e pensando naqueles que passam frio no inverno, motoqueiros do Clube Dead Cowboys de Irati realizaram uma campanha do agasalho na cidade. De acordo com o presidente do Dead Cowboys e responsável pela campanha, Henry Claude Stelmarsczuk, a arrecadação foi dividida em duas etapas.
A primeira etapa arrecadou doações que serão destinadas á comunidade Bethânia, que recupera pessoas com problemas de álcool e drogas, e que fica localizada no distrito de Guamirim. Foram arrecadado aproximadamente 500 quilos de roupas, segundo Henry. Já a segunda etapa será destinada para orfanatos ou asilo, ainda a definir.







Para Henry, a existência do moto clube não é movida apenas por entusiasmo, viagens e diversão. “A gente queria começar fazendo alguma ação social, para justificar a existência de nosso moto clube. Não apenas como entusiastas e amantes das motocicletas, mas sim, fazer algo que vá além de vestir um colete e fazer viagens, aí começamos a agir. É de início um ato simbólico do que podemos fazer. É pouco, mas já é um começo, temos muito a fazer pelo próximo, muitas outras campanhas visando o próximo virão ainda”.                      
Herry ressalta, que vivemos numa sociedade de comodismo e de isolamento e que, muitos reclamam de barriga cheia quando às vezes o próximo passa por necessidades diante de nossos olhos. “O que sobra para alguns falta para os outros. É a desigualdade social que sempre existiu, e antes de esperar que governos façam sua tarefa o que não tem acontecido, temos que abrir mão de sermos egoístas e tomar frente e nos posicionarmos em prol do bem comum”.


A campanha está chegando ao fim, mas quem tiver interesse em ajudar ainda dá tempo. Quem quiser doar e não puder comparecer aos locais de coleta, basta entrar em contato com um dos colaboradores da campanha. Eles irão buscar as doações na sua casa.
CONFIRA OS LOCAIS DE ARRECADAÇÃO:
Clínica Oro Facial -  Avenida Presidente Getúlio Vargas, 1020 ( 3423-3053 / 9.9951-6133)
Centro de Fisioterapia e Pilates Ariane Moraes - Rua João Stoklos, 378 (9.9942-9041 / 3423-3053)
Copycenter - Rua Carlos Thoms, 59 ( 3422-2424 / 9.9947-5277)
Deads Cowboys MCC - Avenida Noé Rebesco, 1666 ( 9.9933-7371).          

terça-feira, 20 de junho de 2017

Amor maior do mundo!

Meu amado filho Malcon, você é a minha sombra projetada, o anjo que Deus enviou para iluminar meus dias para todo sempre! É através de SEUS OLHOS QUE QUERO VER O MUNDO!

Harley Davidson and Deads Cowboys

Nós acreditamos em motores barulhentos, pistões do tamanho de latas de lixo, tanques de gasolina projectados em 1936, faróis do tamanho de comboios de carga, cromados e pintura personalizada.
Nós creditamos em seguir nosso próprio caminho, não importa qual o caminho que o resto do mundo está a seguir.

DEADS COWBOYS MCC




Cowboys Never Die! Uma honra presidir o chapter Irati desde moto clube que preserva os valores tradicionais do motociclismo e da cultura harley davidson. Somos uma família que vem crescendo cada dia mais dentro dos principios do respeito, lealdade, irmandade e sobretudo solidariedade. Não basta assistir seriados americanos sobre motoclubes made in hollywood, vestir um colete de couro, fazer tatuagens e adquirir uma harley davidson sair por ai fazendo cara de mau. Não é isso que o mundo precisa, precisamos ter um por que de existir, fazer a diferença na sociedade de opulências e aparências, ter os princípios dos velhos cowboys que cruzavam o oeste e sempre que alguém precisava desciam de seus cavalos e ajudavam aqueles que precisavam, assim como faziam a justiça funcionar mesmo onde não houvesse lei nenhuma. Longa vida aos Deads Cowboys MCC, é na estrada que a gente se encontra!

quinta-feira, 25 de agosto de 2016

 Tocaia

MInha minha mente esta sempre me desafiando
Ela quer me foder.
Quer que eu sempre desça mais um pouco
Nos subterrâneos do homem.
Essa escada sinuoso e escorregadia que muitos caem
Com o fio do machado virado pra cima
.POderia sussegar e ver as coisas como um expectador
Comendo pipoca e dando milho aos pardais
Mas não, tem que iunventar modas e mecher na grande onça.
O homem só sussega quando morto
Até lá a mesma ladainha para os que como eu
Do nascer ao por do sol estão sempre maquinando uo jeito
De ter mais por menos ou quase nada
de liquidar alguns vicios e iniciar outros
Por que só se existe quando se está em ação, seja ela qual for.
Acho que minha herança européia, de sangue azul
Cria toda essa inssurreição.
Meu lado nórido quer sempre mais
Como nos velhos tempos eles faziam
Pilhar, saquear, passar por cima, abrir caminho, desbravar
Pedindo sempre mais força a Deus para assim continuar
Angariando conquistas e fundos
Para se gastar com farras regadas a uisque e carnes nobres.
Liquidar o que resta da consciẽncia agora!
No more tears!
E necessário para o bem da civilização um mínimo de barbárie
E aqueles que meio que fora da lei façam as coisas seu modo
Sem intervenção da lei, dos bons costumes e de um suposta fraternidade.
A tocaia da consciência sempre preparada
Pronta para abocanhar os mais fracos...
Agora não, agora não é hora de fraquejar!

quinta-feira, 14 de julho de 2016

Tinha um anjo ao nosso lado

Para Diego, primo amado...

Sem saber tinha um anjo ao nosso lado
Sem saber esse anjo era você.
É difícil entender
Porque os bons morrem jovens
É difícil entender
Porque foi com você.
Deus deve ter suas razões para assim fazer
Mas eu gostaria que Ele tivesse se equivocado.
Você nada devia
Você bom garoto que sonhava
Vocẽ que não merecia
Ser colhido em tenra idade.
Meu bom menino
De olhos claros
Ilumina o céu agora
E nos mostra se possivel um sinal
Que tudo está bem
Para alegrar um pouco nosso coração
Que desolado e quieto ficou
Desde que você saiu
E não disse mais
A que horas voltava...

HC
13/07/16



sexta-feira, 18 de setembro de 2015

Chevy 50




Na beira da estrada
encosto a pick up, não quero tomar nenhum drink
apenas conversar com alguém
que não seja conhecido, qualquer estranho,
que sei que nunca mais encontrarei novamente.
É verão, fim de tarde quente
e o vento traz a paz das flores das árvores
estou muito longe de minha família
um jovem de poucas palavras e cara de poucos amigos me serve uma soda
vem uma garota pela rua, tão jovem que nada sabe da vida
é verão, tarde mansa, vento lateral
braços e pernas de fora,
garota tatuada, tão jovem e nada sabe de mim
caminha pela rua, eu me contento em olhar
e lembrar que tenho muita estrada pela frente
ela passa eu não me contento apenas em olhar
comento com o rapaz que está indiferente e absorto em seu trabalho
garota tatuada em plena calçada de lugar nenhum
entro na camionete, ligo o motor
o rapaz apenas me diz com seriedade,
ela não vale nada
vou embora...
confio apenas no motor.

quinta-feira, 18 de junho de 2015

Nau a deriva

Eu num barco furado
Tapando com as mãos os buracos
E o sol com a peneira.
Náufrago e com a boca seca
Embora tanta a água para umedecê-la.
Desidratado e com poeira em minhas rugas
Ressecado pelo tempo
e maltratado pelos quatro elementos.
Com as calças caindo
e as mãos ocupadas.
Com vontade de fumar
e de comer uma mulher.
Mas é só a imensidão que prevalece
E a costa-oeste em pensamentos.
Acabar assim fodido num barco furado
E com vontade de ter algum prazer
Antes de ficar zoado para sempre.